Minoxidil nas entradas

Atualizado em:

PUBLICIDADE


Minoxidil faz nascer cabelo nas entradas?

O videodermatoscópio conta com uma manopla que se apoia no couro cabeludo para analisar os fios de cabelo, e assim consegue-se tirar fotos da área que se examina.

hairloss-blocker-recupera-88-cabelo

Em um homem com grau três de calvície de acordo com a escala Norwood-Hamilton, com grandes entradas no couro cabeludo, quando posicionada a câmera de vídeo na parte anterior central do couro cabeludo observa-se uma quantidade de fios com diferentes diâmetros, alguns de calibre normal, outros menores, e outros bastante finos – impossíveis de serem vistos a olho nu.

Remédios para Queda de Cabelo: Ranking do Consumidor

 PRODUTONOTA MÉDIAVOTOSREVIEW
#1HairLoss Blocker8,91/10581btn-saiba-mais
#2Minoxidil7,74/101023btn-saiba-mais
#3Finasterida7,25/101084btn-saiba-mais

Se utilizado Minoxidil, fatores de crescimento e vitaminas nessa região, os fios de calibre intermediário engrossarão, o que dará a sensação de que novos nasceram, porém, uma vez que a raiz miniaturizou e desapareceu, não há tratamento clínico que faça surgir uma nova, consegue-se revitalizar apenas as que estão caminhando para um processo total de atrofia, mas que ainda não chegaram lá.

Já se analisada a região das entradas desse mesmo paciente, observa-se um grau extremo de minituarização dos fios, chamados de velos. A probabilidade do minoxidil reverter a calvície e fazer voltar os cabelos ali é praticamente nula.

PUBLICIDADE


Se na região da barba houver um afinamento de pelos, alguns deles não podendo ser vistos a olho nu, e for realizado tratamento com minoxidil, haverá crescimento e fortalecimento dos pelos.

Artigo anteriorMinoxidil: para que serve
Próximo artigoMinoxidil: efeitos colaterais
CRM: 91128. Doutorado em Dermatologia pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (2009-2012). Mestrado em Dermatologia Clínica e Cirúrgica pela Universidade Federal de São Paulo (2001-2006). Residência médica em Dermatologia pela Santa Casa de Misericórdia de São Paulo (1998-2001). Graduação em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (1992-1997). Pós-Doutorado em pesquisa em dermatologia pela Emory University School of Medicine, Atlanta, GA, EUA. Professor-assistente de dermatologia na Universidade de Mogi das Cruzes (2005-2006). Médico-assistente do Serviço de Dermatologia da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2006-2012). Médico chefe do Serviço de Dermatologia da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2012-2014). Coordenador do programa de residência médica em Dermatologia da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2019-2012). Coordenador de todos os programas de aperfeiçoamento/especialização médicos da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2011-2014).