Gengibre emagrece?

Gengibre ajuda a emagrecer?

O gengibre pode ajudar no processo de emagrecimento e na manutenção da saúde.

PUBLICIDADE


O gengibre é uma raiz originária da Ásia, que sempre foi muito utilizada tanto na culinária quanto na medicina. O chá de gengibre para dor de garganta, por exemplo, é uma receita bastante antiga e muito eficiente.

O gengibre é um alimento termogênico, ou seja, ele ajuda a acelerar o metabolismo, favorecendo a queima de gordura. Essa propriedade termogênica se dá porque o gengibre ajuda a aumentar o gasto calórico do organismo durante o processo de digestão.

Quanto mais difícil é a digestão de um alimento, maior é o seu poder termogênico. No caso do gengibre, ele possui substâncias que aumentam a temperatura corporal, e, como consequência, elas acabam ajudando a acelerar o metabolismo e a queimar gorduras.

Porém, não adianta consumir muito gengibre e não manter uma dieta equilibrada nem praticar atividade física.

PUBLICIDADE


Propriedades e indicações do gengibre

O gingerol, uma substância presente no gengibre, dá a essa raiz propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias. Isso faz com que ele proteja o organismo da ação de bactérias e fungos. É justamente o gingerol que dá ao gengibre o sabor picante, parecido com o da pimenta.

Graças a essas propriedades anti-inflamatórias, o gengibre também é utilizado para aliviar dores musculares causadas pela artrite. Existem xaropes à base de gengibre para curar problemas respiratórios e tosse.

O gengibre também é muito utilizado por pessoas com problemas no estômago, porque ajuda no combate aos enjoos, gases e má digestão, principalmente de alimentos gordurosos. Existem medicamentos indicados para quem sofre de intestino preso, excesso de gases e até mesmo antiácidos que são à base de gengibre.

Pacientes que estão em tratamento de câncer e passam por quimioterapia ou radioterapia também utilizam o gengibre para combater as náuseas e até mesmo a perda do apetite.

O gengibre também é indicado para problemas de cólica menstrual. O chá de gengibre é indicado para auxiliar na eliminação das toxinas do organismo, além de favorecer a hidratação.

Como usar o gengibre?

O gengibre pode ser usado como tempero nas refeições, refogado com legumes ou mesmo no feijão. O gengibre também pode ser ralado e acrescentado aos molhos das saladas.

O gengibre fresco pode ser usado para fazer chá ou misturado em sucos. Pessoas com irritação na garganta podem mastigar lascas de gengibre – ele não irá curar a irritação, mas ajudará a aliviar a dor.

Contraindicações do gengibre

Pessoas que sofrem de hipotireoidismo devem evitar alimentos termogênicos como o gengibre. Como essas pessoas já têm um metabolismo elevado, comer alimentos termogênicos pode até mesmo favorecer a perda da massa muscular.

Também não devem abusar dos termogênicos as pessoas que sofrem de enxaqueca, problemas cardiovasculares, ulcerações ou alergias, já que esses alimentos podem causar insônia, nervosismo, taquicardia, ou até mesmo aumentar a pressão arterial.

Pessoas que fazem uso de anticoagulantes também devem evitar o gengibre, já que ele retarda a coagulação sanguínea. Para esses pacientes, ele pode aumentar o risco de hematomas e sangramentos.

Quem toma medicamentos para controlar a diabetes também precisa se precaver, pois o gengibre ajuda na redução dos níveis de açúcar no sangue, o que pode aumentar o risco da hipoglicemia.