Como saber se estou na menopausa

Quando começa a menopausa

Cerca de 80% das mulheres entra na menopausa ao redor dos 50 anos.

PUBLICIDADE


Quando a menopausa ocorre antes dos 40, é chamada de precoce; quando depois dos 55, de tardia.

Descobre-se que está na menopausa pelos sintomas e pela avaliação laboratorial. A menopausa é definida como a última menstruação. É necessário estar 1 ano sem menstruar para afirmar que se está na menopausa, portanto é um diagnóstico retrospectivo. Porém, a mulher não precisa, necessariamente, esperar um ano para começar a se tratar.

Muitas vezes, quando começam os sintomas, a mulher está somente com irregularidade menstrual, às vezes com dificuldade para dormir, irritada ou com o humor flutuando (que vai desde a euforia à tristeza). Esse é o começo do climatério, que pode durar alguns anos.

Para mulheres que fazem uso contínuo de anticoncepcional, recomenda-se parar a medicação durante 1 mês para verificar como o organismo se comporta. Com isso, os níveis hormonais voltam ao normal. Muitas mulheres em torno dos 44 e 55 anos tomam anticoncepcional sem necessidade, pois já estão em pré-menopausa.

PUBLICIDADE


O exame de sangue identifica se a mulher pode parar de usar anticoncepcional e começar, por exemplo, a terapia de reposição hormonal ou usar fitoterápicos.

É possível fazer um exame de estrogênio ou de hormônio luteinizante, que é liberado durante a ovulação e cuja queda significa que a mulher não ovula mais (sinal da pré-menopausa ou da menopausa).

Artigo anteriorClimatério e menopausa
Próximo artigoDefinição de menopausa
CRM: 81139. Médico Ginecologista e Obstetra da Notre Dame Intermédica (2013-atual). Médico Ginecologista do Complexo Hospital Edmundo Vasconcelos (2012-atual). Coordenador da Clínica Ginecológica Hospital Dom Antonio de Alvarenga (2008-atual). Médico Ginecologista da Prefeitura Municipal de Mauá (2002-atual). Médico Ginecologista da Unidade Básica de Saúde Vila Oratório (1999-2011). Médico Ginecologista e Obstetra da Organização Mogiana de Educação e Cultura (1998-2000). Médico plantonista do Pronto Socorro Municipal de Pindorama (1995-1996). Médico plantonista da Maternidade da Santa Casa de Misericórdia de Mauá (1997-2003). Professor da USC Centro Universitário São Camilo (2015-atual). Residência médica pelo Instituto Brasileiro de Controle do Câncer (1997-1998). Residência médica em Obstetrícia e Ginecologia pela Faculdade de Medicina de Catanduva (1995-1997). Graduação em Medicina pela Universidade do Estado do Amazonas (1989-1994).