Check-up vascular para diabéticos

Acompanhamento vascular para diabéticos

Os pacientes diabéticos têm uma predisposição ao envelhecimento precoce das artérias. A diabetes nada mais é do que a glicose livre aumentada na circulação, e esse açúcar machuca os vasos. O açúcar em grande quantidade é um problema para a circulação.

PUBLICIDADE


A insulina que falta no diabético é o que faria com que esse açúcar livre entrasse nas células musculares e demais células do organismo para que ele funcionasse em perfeito equilíbrio.

No diabético, o açúcar fica circulando, ao mesmo tempo em que as células estão precisando de alimento – ou seja, não existe a passagem desse açúcar para dentro das células, o que provoca uma irritação dos vasos, predominantemente das artérias, que são os vasos que levam o sangue do coração para a periferia (para o cérebro, os braços, as pernas, os rins, etc.).

Quando isso ocorre, em primeiro momento, a parede da artéria vai espessando, e depois ela vai calcificando e enrijecendo. No diabético, essa calcificação ocorre ao longo dos anos de diabetes, o que favorece tanto as tromboses arteriais quanto os AVCs e aneurismas. Essas artérias não são tão elásticas quanto as de um paciente não-diabético. Por isso, o diabético, desde o diagnóstico, deve fazer um acompanhamento com um médico da circulação.

Hoje existem medicações e orientações para que esse envelhecimento das artérias ocorra de forma muito lenta ou eventualmente nem ocorra, quando a diabetes é bem tratada.

PUBLICIDADE


Artigo anteriorQual o pior tipo de diabetes?
Próximo artigoÁgua com limão emagrece?
CRM: 89006. Doutor na área de ciência em gastroenterologia pela Universidade de São Paulo (USP). Residência médica na Socidade Portuguesa de Beneficência de São José do Rio Preto (1997). Residência médica no Hospital e Maternidade Modelo Tamandaré (1999-2001). Titulo de especialista em Angiologia e Cirurgia vascular (2002). Título de especialista em Clínica Medica com capacitação em Medicina de Urgência pela Sociedade Brasileira de Clínica Médica (2002). Graduação em Medicina pela Universidade Estadual de Londrina (1996). Assistente colaborador da Sociedade Portuguesa de Beneficência de São José do Rio Preto (1997-1997). Perito médico da Receita Federal do Brasil (2008-2009).