Caspa e Queda de Cabelo: Tudo Sobre

Atualizado em:

PUBLICIDADE


Caspa e seborreia causa queda de cabelo

Por que a queda de cabelo aumenta no inverno?

Muitos se perguntam por que o cabelo cai mais no inverno. Nessa época do ano é comum tomar banho quentes e demorados, isso faz com que o cabelo resseque, provoca inflamação no couro cabeludo, e piora a dermatite seborreica (cujo nome vulgar é caspa).

hairloss-blocker-recupera-88-cabelo

No inverno, a maioria das mulheres lava com menor frequência o cabelo. Isso favorece o aumento do processo inflamatório no couro cabeludo, da descamação e do prurido nele, por fim, o ato de coça-lo tende a aumentar a queda e a quebra do cabelo.

Remédios para Queda de Cabelo: Ranking do Consumidor

 PRODUTONOTA MÉDIAVOTOSREVIEW
#1HairLoss Blocker8,91/10581btn-saiba-mais
#2Minoxidil7,74/101023btn-saiba-mais
#3Finasterida7,25/101084btn-saiba-mais

queda-de-cabelo-e-caspa

Como tratar a caspa

A caspa é uma doença de cunho genético, que não tem cura, mas pode ser controlada com relativa facilidade. Para os casos mais leves dela, pode-se lavar o cabelo com maior frequência, com shampoos específicos e banhos rápidos com água fria ou morna. Também deve-se evitar dormir com o cabelo molhado, e usar bonés com o cabelo úmido.

Existem vários fatores que aumentam a descamação do couro cabeludo, porém, analisando-o com um dermatoscópio é possível identificar a causa disso.

PUBLICIDADE


Alguns tomam medicação via oral para controlar a inflamação do couro cabeludo e o aumento da produção de sebo pelas glândulas sebáceas, porém, para caspa intensa, normalmente utiliza-se produtos tópicos, como shampoos.

Shampoo para caspa

Existem diversos tipos de shampoo anticaspa, e para fazer a melhor escolha o ideal é adequar o produto ao tipo de cabelo, e para isso é primordial saber se o cabelo é oleoso ou ressecado.

Muitos pensam que a caspa afeta apenas cabelos oleosos, porém, ela pode afetar qualquer tipo de cabelo.

Existem substâncias contidas no shampoo anticaspa que auxiliam no combate a caspa, por exemplo, o cetoconazol, e outras com propriedades queratolíticas, como o ácido salicílico, além de zinco e selênio. O dermatologista está apto para prescrever um shampoo manipulado específico para o paciente.

Shampoo de limpeza profunda

Os shampoos de limpeza profunda servem para remover uma espécie de capa – oriunda, por exemplo, de cremes que aderem ao cabelo – que se forma no couro cabeludo e no cabelo, porém, ele também deve ser adequado ao tipo de cabelo do paciente.

Dermatite seborreica em bebês

A dermatite seborreica afeta mais homens – porém, eles geralmente lavam o cabelo com mais frequência, o que ajuda a controlar a doença – adultos jovens, entretanto, ela acomete desde bebês até idosos.

O bebê, enquanto recebe amamentação em maior quantidade, tem um maior estímulo da produção sebácea (por conta da presença de determinados hormônios no leite materno), inclusive, é normal a caspa afetar outras áreas do corpo de bebês que não o couro cabeludo.

Artigo anteriorLíquen Plano Pilar: O Que É, Diagnóstico e Tratamento
Próximo artigoTransplante de Cabelo: O Que Esperar Após a Cirurgia?
CRM: 91128. Doutorado em Dermatologia pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (2009-2012). Mestrado em Dermatologia Clínica e Cirúrgica pela Universidade Federal de São Paulo (2001-2006). Residência médica em Dermatologia pela Santa Casa de Misericórdia de São Paulo (1998-2001). Graduação em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (1992-1997). Pós-Doutorado em pesquisa em dermatologia pela Emory University School of Medicine, Atlanta, GA, EUA. Professor-assistente de dermatologia na Universidade de Mogi das Cruzes (2005-2006). Médico-assistente do Serviço de Dermatologia da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2006-2012). Médico chefe do Serviço de Dermatologia da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2012-2014). Coordenador do programa de residência médica em Dermatologia da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2019-2012). Coordenador de todos os programas de aperfeiçoamento/especialização médicos da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2011-2014).