Calvície: novidades

Atualizado em:

PUBLICIDADE


Novos conceitos sobre a causa da calvície

Até pouco tempo atrás acreditava-se que a causa da alopecia androgenética – o termo andro relaciona-se à influência do hormônio masculino e genética à herança cromossômica que se recebe dos pais – era apenas hormonal, havendo uma maior ação dos receptores de testosterona na raiz capilar, gerando atrofia progressiva dos cabelos e consequente perda da raiz.

hairloss-blocker-recupera-88-cabelo

A di-hidrotestosterona (DHT), é um hormônio que tem capacidade de penetrar na raiz capilar, na papila dérmica.

Remédios para Queda de Cabelo: Ranking do Consumidor

 PRODUTONOTA MÉDIAVOTOSREVIEW
#1HairLoss Blocker8,91/10581btn-saiba-mais
#2Minoxidil7,74/101023btn-saiba-mais
#3Finasterida7,25/101084btn-saiba-mais

O cabelo comporta-se como parte do sistema imunológico, e os mediadores físico-emocionais acarretam a liberação de principalmente cortisol no folículo piloso.

Fatores ambientais, como toxinas, exposição ao sol, poluição, tabagismo e consumo de álcool, acarretam a formação de radicais livres que por sua vez desencadeiam a liberação de substâncias inflamatórias.

PUBLICIDADE


Isso gera uma microinflamação na papila dérmica com formação de fibrose (que é um tecido cicatricial), e consequentemente interrompe-se a etapa de crescimento dos fios, entra-se precocemente na fase catágena do ciclo capilar, e posteriormente na de queda.

Novo protocolo de tratamento da calvície

Para tratar a calvície não basta apenas inibir o hormônio masculino com o uso, por exemplo, de finasterida, precisa-se tratar o indivíduo como um todo.

Artigo anteriorCalvície e estresse
Próximo artigoClonagem de cabelo
CRM: 91128. Doutorado em Dermatologia pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (2009-2012). Mestrado em Dermatologia Clínica e Cirúrgica pela Universidade Federal de São Paulo (2001-2006). Residência médica em Dermatologia pela Santa Casa de Misericórdia de São Paulo (1998-2001). Graduação em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (1992-1997). Pós-Doutorado em pesquisa em dermatologia pela Emory University School of Medicine, Atlanta, GA, EUA. Professor-assistente de dermatologia na Universidade de Mogi das Cruzes (2005-2006). Médico-assistente do Serviço de Dermatologia da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2006-2012). Médico chefe do Serviço de Dermatologia da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2012-2014). Coordenador do programa de residência médica em Dermatologia da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2019-2012). Coordenador de todos os programas de aperfeiçoamento/especialização médicos da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2011-2014).