Academia Causa Queda de Cabelo?

Atualizado em:

PUBLICIDADE


Academia faz cair cabelo?

O cortisol, hormônio liberado em momentos estressantes, liga-se aos folículos pilosos e interrompe a produção de fios, além de provocar queda de cabelos.

hairloss-blocker-recupera-88-cabelo

Relação entre exercício físico e queda de cabelo

A prática de exercício físico mantém o corpo sob estresse, contudo, nesse caso, o cortisol é liberado simultaneamente ao GH (hormônio do crescimento). Essa união resulta na quebra de moléculas de gordura e síntese de proteínas, e não influencia na perda de cabelos, exceto se a atividade for muito extenuante, o que pode levar à quantidade exagerada de cortisol.

Remédios para Queda de Cabelo: Ranking do Consumidor

 PRODUTONOTA MÉDIAVOTOSREVIEW
#1HairLoss Blocker8,91/10581btn-saiba-mais
#2Minoxidil7,74/101023btn-saiba-mais
#3Finasterida7,25/101084btn-saiba-mais

academia-e-queda-de-cabelo

Doenças causadas pelo excesso de cortisol

Como o aumento do cortisol causa certas doenças, é importante acompanhar, com exames, os níveis hormonais. Uma dessas enfermidades é a síndrome de Cushing, caracterizada por exemplo, por excesso de gordura atrás do pescoço (espécie de giba) e alterações da pressão arterial.

Como reduzir o nível de cortisol

Uma das formas de reduzir o nível de cortisol é praticar meditação, porque o estímulo psíquico pode liberar adrenalina e combater hormônios inflamatórios e agressivos.

PUBLICIDADE


Beber água adequadamente previne a absorção e conversão de gordura em cortisol no intestino, e ingerir ômega-3 e abacate eleva o índice de HDL (colesterol bom) e, concomitantemente, diminui o de LDL (colesterol ruim), que pode transformar-se em cortisol.

Artigo anteriorNoni: Benefícios, Toxicidade e Como Usá-lo
Próximo artigoMulher Também Pode Ficar Careca?
CRM: 91128. Doutorado em Dermatologia pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (2009-2012). Mestrado em Dermatologia Clínica e Cirúrgica pela Universidade Federal de São Paulo (2001-2006). Residência médica em Dermatologia pela Santa Casa de Misericórdia de São Paulo (1998-2001). Graduação em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (1992-1997). Pós-Doutorado em pesquisa em dermatologia pela Emory University School of Medicine, Atlanta, GA, EUA. Professor-assistente de dermatologia na Universidade de Mogi das Cruzes (2005-2006). Médico-assistente do Serviço de Dermatologia da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2006-2012). Médico chefe do Serviço de Dermatologia da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2012-2014). Coordenador do programa de residência médica em Dermatologia da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2019-2012). Coordenador de todos os programas de aperfeiçoamento/especialização médicos da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2011-2014).